Asma grave

Asma grave

A asma grave é uma doença crônica, que atinge cerca de 5% a 10% dos pacientes de asma. Ela é caracterizada quando os pacientes não alcançam os níveis adequados de controle, mesmo com o uso correto de tratamentos e altas doses de medicação.1

A rotina das pessoas com asma grave é bastante prejudicada, pois as crises levam a hospitalizações frequentes, o que impacta na vida escolar ou profissional.2 Até mesmo dormir uma noite inteira, sem despertares noturnos, pode ser um desafio para essas pessoas.

Apesar de representarem a minoria entre o total de pacientes com asma, os brasileiros com asma grave vão ao hospital até 15 vezes mais do que pacientes com asma leve ou moderada, e são até 20 vezes mais hospitalizados.2

A gravidade da asma é estabelecida pelo médico especialista, que avalia tanto os exames realizados, quanto uma análise clínica da rotina do paciente e dos impactos da doença no dia a dia.3



 


Referências
1. Wenzel S. Severe asthma in adults. Am J Respir Crit Care Med 2005;172(2):149–160
2. Jardim Jr. Pharmacological Economics And Asthma Treatment. J Bras Pneumol 2007; 3 3:Iv-Vi.
3. GINA. The Global Burden of Asthma Report 2004.

*As referências acima dizem respeito ao conteúdo do texto. Para acessar as referências do infográfico, por favor, clicar no botão “clique aqui” disponível no próprio infográfico.

Veja mais em: Asma ou asma grave?

saiu na mídia

Notícias Relacionadas

Ver Mais +
Ver Mais +