1-1-o que é artrite psoriásica
Share

Você sabia que a psoríase pode ir além da pele? A artrite psoriásica (ou artrite psoriática ou também psoríase atropática) é uma condição de doença psoriásica que engloba tanto sintomas na pele quando na articulação. Até 40% das pessoas com psoríase manifestam também os sintomas da artrite, mas a gravidade das lesões na pele e sintomas nas articulações nem sempre ocorrem ao mesmo tempo e/ou com a mesma intensidade.

banner artrite psoriásica

As lesões na unha (conhecida como psoríase ungueal) e psoríase no couro cabeludo são os dois fatores mais conhecidos que podem predizer o aparecimento dos sintomas na articulação.

De onde vem o nome “artrite psoriásica”?

  • Artro = junta, junção
  • Ite = inflamação
  • Psora = coceira

Então, temos coceira, inflamação e juntas em uma coisa só. Vamos entender como tudo isso acontece?

Psoríase e artrite

As articulações do corpo

A psoríase  é uma doença inflamatória da pele que causa lesões avermelhadas espessas, coceira, dor e descamação. Os impactos da psoríase vão muito além da pele, já que a doença afeta de forma profunda e direta a qualidade de vida.

Já a artrite é uma inflamação que dói e tem chances de debilitar as articulações (popularmente chamada de juntas) do corpo. Se não diagnosticada e tratada de forma correta, a artrite pode levar à deformidade permanente dos ossos e gerar limitações de mobilidade irreversíveis. Por isso, o diagnóstico e tratamento precoces são fundamentais.

Quem chega primeiro: psoríase ou artrite?

Artrite psoriásica a pele

Na grande maioria dos casos (cerca de 85%), as pessoas com artrite psoriásica manifestam primeiro as lesões da psoríase na pele e depois diagnosticam a inflamação nas articulações. O tempo médio de aparecimento de artrite psoriásica após os primeiros sinais de psoríase são de 7 anos. Mesmo assim, é possível que o contrário também ocorra, ou seja, as articulações sejam afetadas antes da pele.

Apenas 15% da população com artrite psoriásica possui psoríase moderada a grave, o que indica que a gravidade da lesão da pele não está necessariamente relacionada com o desenvolvimento da doença. As lesões da psoríase e da artrite psoriásica começam “invisíveis”, a inflamação começa nas camadas internas da pele até que se manifestam externamente na pele.

Uma forma menos comum ainda, é quando a pessoa tem artrite psoriásica mas não manifesta de forma visível os sintomas da psoríase na pele. 

Ainda não há uma regra sobre a hereditariedade da artrite psoriásica, mas já se sabe que cerca de 40% das pessoas afetadas possuem ao menos 1 familiar próximo com psoríase ou artrite psoriásica. A doença, que atinge igualmente homens e mulheres,  é mais comum entre os 30 e 50 anos de idade, mas pode manifestar-se até mesmo na infância.

Partes do corpo

Podemos dizer que a artrite psoriásica tem uma parte visível e outra invisível. Vamos começar pelas articulações, que seriam as partes “invisíveis”. As articulações são conhecidas popularmente como “juntas”. O que faz sentido, afinal, elas são responsáveis pela junção dos diferentes ossos. É graças às articulações que corpo tem mobilidade.

Quando a artrite psoriásica afeta entre 2 e 4 articulações do corpo, é chamada de oligoartrite, acima disso já é polioartrite. Entre as articulações afetadas podem estar as dos dedos (os dedos incham e ficam no formato de “salsicha”), da  coluna vertebral, da mandíbula e entre outras.

As doenças e complicações associadas à pele, como a artrite psoriásica, geralmente têm consequências mais amplas na saúde e qualidade de vida das pessoas afetadas. O impacto pode ser abrangente, atingindo a vida social, os relacionamentos e a empregabilidade dos pacientes.

Você se identificou com o artigo? É bom fazer o nosso teste on-line e saber mais.


Referências

1. Scher JU et al. Nat Rev Rheumatol. 2019;15(3):153–166.
2. American College of Rheumatology. Psoriatic Arthritis. Disponível em: http://www.rheumatology.org/practice/clinical/patients/diseases_and_conditions/psoriaticarthritis.asp. Acesso em junho de 2020.
3. National Psoriasis Foundation. About Psoriatis. Disponível em: https://www.psoriasis.org/about-psoriasis. Acesso em junho de 2020.
4. National Library of Medicine. Psoriatic Arthritis. Disponível em: http://ghr.nlm.nih.gov/condition/psoriatic-arthritis. Acesso em junho de 2020.
5. American Academy of Orthopaedic Surgeons. Arthroscopy. Disponível em: http://orthoinfo.aaos.org/topic.cfm?topic=a00109. Acesso em junho de 2020.
6. Site Osteoartrose. Artrite, Artrose, Osteoartrite e Osteoartrose, qual a diferença? Disponível em: http://www.osteoartrose.com.br/tm_diferencas.php. Acesso em junho de 2020.
7. Merriam Webster Dictionary. Psoriasis. Disponível em: http://www.merriam-webster.com/dictionary/psoriasis. Acesso em junho de 2020.
8. papaa. About Psoriatic Arthritis. Disponível em: http://www.papaa.org/resources/about-psoriatic-arthritis. Acesso em junho de 2020.
9. Sociedade Brasileira de Dermatologia. Áreas de atuação. Disponível em: http://www.sbd.org.br/informacoes/sobre-a-dermatologia/areas-de-atuacao/. Acesso em agosto de 2020.
10. Super Interessante. Pele: o preço de ser vitrine. Disponível em: http://super.abril.com.br/ciencia/pele-o-preco-de-ser-vitrine. Acesso em junho de 2020.
11. Schön MP, Boehncke WH. Psoriasis. N Engl J Med. 2005 May 5;352(18):1899-912.
12. Stern RS et al. Psoriasis is common, carries a substantial burden even when not extensive, and is associated with widespread treatment dissatisfaction. J Investig Dermatol Symp Proc. 2004 Mar;9(2):136-9.
13. National Psoriasis Foundation. About Psoriatic Arthritis. Disponível em: https://www.psoriasis.org/about-psoriatic-arthritis. Acesso em junho de 2020.
14. Mease P et al. Drugs. 2014;74:423-441

Share








































Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *