A luta de Aretha Franklin contra o tumor neuroendócrino (TNE)

05/09/2018

A luta de Aretha Franklin contra o tumor neuroendócrino (TNE)

Com uma das vozes mais marcantes do soul, Aretha Franklin vinha lutando há 8 anos contra um câncer de pâncreas neuroendócrino, caracterizado por ser pouco frequente e de difícil diagnóstico, em virtude de seus sintomas não específicos.1 Do surgimento do tumor até seu diagnóstico, leva-se em média de três a sete anos, enquanto há um avanço gradual e silencioso da doença.2

Aretha Franklin nasceu em 1942, já sendo uma promessa de sucesso. Aos 14 anos, após gravar uma música gospel, fez três turnês para sua divulgação. Com 19 anos, se mudou para Nova York, onde assinou o contrato que a lançaria para o sucesso. A música ‘I Never Loved a Man (The Way I Love You)’ a tornou referência na música. Além dos milhares de discos vendidos, a canção ‘Respect’ lhe rendeu dois grammys.4

Entenda os tumores neuroendócrinos (TNEs)

De acordo com Sociedade Americana de Câncer, os tumores neuroendócrinos representam apenas 5% dos casos de câncer no pâncreas, atingindo, em média, uma a cada mil pessoas por ano. Em comparação aos cânceres de pâncreas mais comuns, a taxa de sobrevida do tumor neuroendócrino no pâncreas é maior nos pacientes, justamente por conta de seu lento desenvolvimento.1

O diagnóstico tardio do tumor neuroendócrino resulta no diagnóstico em estágio avançado em 60% a 80% dos pacientes, quando ocorre a chamada metástase. Além de inespecíficos, os sintomas muitas vezes demoram para aparecer, por conta da lentidão no crescimento dos tumores, dificultando ainda mais o diagnóstico. No entanto, quando a doença é detectada em estágio inicial, ela pode ser controlada por muitos anos.3


Referências

1. BBC Brasil. O tipo raro de câncer que matou a cantora Aretha Franklin. Disponível em: https://www.bbc.com/portuguese/geral-45210860 Acesso em setembro de 2018.
2. Exame. Entenda o câncer raro que matou Steve Jobs. Disponível em: https://exame.abril.com.br/estilo-de-vida/entenda-o-cancer-raro-que-matou-steve-jobs/ Acesso em setembro de 2018.
3. Tumor Neuroendócrino. Diagnóstico do tumor neuroendócrino (TNE) é tardio: leva de 3 a 7 anos. Disponível em: https://saude.novartis.com.br/tne/diagnostico-do-tumor-neuroendocrino-tne-e-tardio-leva-de-3-a-7-anos/ Acesso em setembro de 2018.
4. Netsaber BIOGRAFIAS. Aretha Franklin. Disponível em: http://biografias.netsaber.com.br/biografia-3529/biografia-de-aretha-franklin Acesso em setembro de 2018.