eletrocardiograma
Share

E antes mesmo de começar seu check-list, já é bom saber que sempre que você notar uma piora ou identificar que os sintomas da insuficiência cardíaca estão muito intensos, atrapalhando seu dia a dia, você precisa conversar com seu médico para reavaliar seu tratamento. Isso porque já existem no Brasil terapias inovadoras para a insuficiência cardíaca, incluindo opções que possibilitam a redução da mortalidade e das hospitalizações recorrentes, trazendo bem-estar e a esperança de uma vida mais longa!1

Agora vamos ao monitoramento, pois nada mais justo do que ter bons resultados com o tratamento da insuficiência cardíaca depois de tanta dedicação, não é mesmo?

Como monitorar o tratamento da insuficiência cardíaca?

Para o monitoramento adequado da insuficiência cardíaca, você precisa ficar atento nesses sinais e sintomas aqui:2

  • Tosse
  • Falta de ar
  • Inchaço ou desconforto nos membros inferiores (pernas e pés)
  • Ganho de peso repentino
  • Tontura, confusão mental
  • Tristeza, depressão
  • Perda de apetite
  • Dificuldade para dormir
  • Desconforto ou inchaço no abdômen
  • Aumento no nível de esforço para realizar atividades do dia a dia (como passear com cachorro, subir escadas e fazer compras)

 

Para te ajudar, fizemos o check-list do monitoramento da insuficiência cardíaca!

Com o check-list abaixo, você saberá quando o controle e o tratamento da insuficiência cardíaca estão adequados, se exigem uma nova conversa com seu médico, ou ainda se sua situação é grave e requer atendimento médico emergencial. Nossa sugestão é que você consulte os quadros abaixo pelo menos uma vez por semana, para estar sempre em dia com o acompanhamento de seu quadro clínico.

Um único sinal de alerta já requer atendimento médico emergencial
Não basta você ter “quase” todos os sintomas controlados, mas ter um sinal de alerta. Um único sintoma no quadro vermelho abaixo já é suficiente para que você busque avaliação médica o mais rápido possível. O mesmo vale para o quadro amarelo, que requer contato com seu médico para reavaliação do tratamento!2,3

ATENÇÃO URGENTE: se você se identificar com uma ou mais das situações abaixo, busque atendimento médico urgente para controle da insuficiência cardíaca.2,3

ATENÇÃO URGENTE

CUIDADO: se você apresentar um ou mais dos sinais abaixo, converse com seu médico. Talvez seja o momento de reavaliar seu tratamento para insuficiência cardíaca.2,3

CUIDADO

EXCELENTE: parabéns! Sua insuficiência cardíaca está sob controle! Confira os passos abaixo para continuar no caminho certo.2,3

EXCELENTE


Referências

1. Ponikowski P, Voors AA, Anker SD, et al. 2016 ESC Guidelines for the diagnosis and treatment of acute and chronic heart failure. Eur J Heart Fail. 2016 Aug;18(8):891-975.
2. American Heart Association. Self-check plan for HF management. Disponível em: http://www.heart.org/idc/groups/heart-public/@wcm/@hcm/documents/downloadable/ucm_477328.pdf. Acessado em 07/07/2017.
3. American Heart Association. Healthier Living with heart failure – Managing symptoms and reducing risk. Disponível em: http://www.ksw-gtg.com/aha-heartfailure/#/1/. Acessado em 07/07/2017.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *