Glossário

Compartilhe:

A

  • Ácido nicotínico: também: niacina, uma vitamina do complexo B
  • Ácido úrico: o produto final do metabolismo das proteínas nas pessoas. Os rins excretam ácido úrico a partir do organismo na urina; aumento do ácido úrico no sangue (hiperuricemia) pode resultar em gota
  • AIJ: artrite idiopática juvenil, uma doença reumatoide comum na infância
  • AIJS: forma sistêmica da artrite idiopática juvenil (artrite idiopática juvenil sistêmica)
  • Ataque agudo: episódio clínico grave e súbito de curta duração
  • Ataques agudos de gota: um episódio grave e súbito de dor de curta duração associado à gota
  • Amiloidose: depósitos de proteínas que resultam da inflamação e podem danificar os tecidos e órgãos
  • Anticorpos: moléculas de proteína formadas pelo sistema imunológico para combater patógenos. Os anticorpos são semelhantes entre si em estrutura, mas são únicos nas partes que reconhecem os germes
  • Artralgia: dor em uma articulação
  • Artrite: inflamação da articulação
  • Artrite gotosa: uma manifestação de gota nas articulações
  • Articular: relacionado às articulações em seu organismo
  • Ataque de gota: pequenas protuberâncias (nódulos) associadas à gota
  • Autoimune, doenças autoimunes: doenças em que o sistema imunológico adquirido se volta contra os próprios tecidos do organismo
  • Autoinflamatório: relacionado à inflamação no organismo, que não é devido a infecções ou lesões

B

  • Bactérias: organismos unicelulares (microrganismos); uma espécie de germe

C

  • CAPS: síndromes periódicas associadas à criopirina, uma síndrome rara de febre periódica que consiste em três sub-formas de gravidade diferentes
  • Crônica: sintomas recorrentes ou permanentemente existentes. Desenvolvimento lento, insidioso, de longa duração
  • CINCA: síndrome crônico-infantil-neurológica-cutânea-articular, uma das doenças das CAPS; outro nome para NOMID, a forma mais grave de CAPS
  • Cristais de MNU: cristais de sal de ácido úrico
  • Comorbidade: doença acompanhante
  • Conjuntivite: inflamação da conjuntiva do olho
  • Cutânea: relativa à pele
  • Citocina: substância mensageira no sistema imunológico
  • Citopenia: pouquíssimas células de um tipo em particular

D

  • Danos nos rins: alterações do funcionamento dos rins devido a alterações renais patológicas; entre outras coisas, conduz ao aumento das substâncias no sangue que são normalmente excretadas na urina e agora se tornam tóxicas no organismo
  • Depósitos de proteínas: proteínas são os blocos de construção que são necessários em todo o corpo. Eles são uma parte importante das células responsáveis pela própria defesa do organismo. Normalmente, quase não existem depósitos de proteína no rim. Depósitos de proteínas pesadas no rim pode ser um sinal de uma infecção e deve ser tratada imediatamente por um médico
  • Diagnóstico: identificação de uma doença por um médico
  • Diagnóstico diferencial: todos os diagnósticos que podem servir como uma explicação para os sintomas são coletados e verificados para ver se eles se aplicam
  • DNA: ácido desoxirribonucleico (DNA) é o nome dado à estrutura química das informações genéticas que formam a cópia heliográfica para os organismos
  • Doença inflamatória: uma doença causada pela inflamação. CAPS é um tipo especial de doença inflamatória chamada doença autoinflamatória. Veja também a definição de “autoinflamatória”
  • Doença/síndrome de Still: outro nome para AIJS

E

  • Entesite: tendinite
  • Enzima: uma molécula, como uma proteína, que acelera a degradação ou construção das substâncias
  • Estreptococos: tipo de bactéria

F

  • Fagócitos: células responsáveis por engolir e digerir os patógenos invasores
  • FCAS: síndrome autoinflamatória familiar desencadeada pelo frio; é uma das doenças das CAPS
  • Febre de origem indeterminada (FOI): isto significa febre (> 38°C) em dias diferentes e com duração superior a três semanas com um diagnóstico pouco claro, apesar dos testes apropriados durante pelo menos três visitas ambulatoriais ou três dias no hospital
  • FMF: Febre Familiar do Mediterrâneo

G

  • Gene: um segmento de DNA que codifica uma proteína. Se uma doença for transmitida através dos genes, significa que ela pode ser herdada de membros da família/parentes. Os traços, como o cabelo castanho, também são transmitidos dessa forma. Se tanto a mãe quanto o pai tiverem cabelo castanho, é provável que seus filhos também tenham cabelo castanho. O mesmo se aplica às CAPS: Se o pai/mão sofre da CAPS, é bem possível que a criança desenvolverá CAPS
  • Gota: doença metabólica em que o excesso de ácido úrico é acumulado no sangue, resultando na formação de depósitos de ácido úrico

H

  • Hereditária: transmitido dos pais para os filhos
  • HIDS: síndrome híper-IgD
  • HPF: síndromes febris periódicas hereditárias
  • Hiperuricemia: aumento na concentração de ácido úrico no sangue

I

  • Idiopática: origem desconhecida
  • IgD: imunoglobulina D, anticorpos da classe D
  • IL-18: interleucina 18, uma importante substância mensageira do sistema imunológico
  • IL-1ß: interleucina 1ß, uma importante substância mensageira do sistema imunológico
  • IL-6: interleucina-6, uma importante substância mensageira do sistema imunológico
  • Incidência: número de novos casos de uma doença específica dentro de uma dada população dentro de um período de tempo especificado
  • Infantil: relativo às crianças na primeira infância (normalmente até a idade de aproximadamente um ano)
  • Infecção: inflamação devido aos microorganismos
  • Inflamação: as defesas naturais do organismo para proteger contra infecções ou lesões. Pessoas com autoinflamação sofrem de sintomas associadas à inflamação que não são devido às infecções ou lesões. A inflamação pode incluir vermelhidão/inchaço local, e aumento da temperatura que está associada às infecções ou lesões
  • Interleucina: as próprias substâncias mensageiras do organismo das células do sistema imunológico
  • Intermitente: que não é contínuo, com interrupções

J

  • Juvenil: na infância

L

  • Leucocitose: refere-se a um aumento do número de células brancas do sangue (leucócitos) no sangue

M

  • Macrófago: um tipo de células do sistema imunológico que é responsável por engolir e digerir os germes invasores
  • MEFV: gene cuja alteração (mutação) é responsável pela ocorrência da Febre Familiar do Mediterrâneo
  • Monoartrite: artrite que ocorre apenas em uma articulação
  • Monocíclico: uma vez
  • Monócito: célula do sistema imunológico
  • Mutação: alterações nos genes
  • MVK: gene cuja alteração (mutação) é responsável pela ocorrência da Deficiência de Mevalonato Quinase
  • MWS: síndrome de Muckle-Wells, um dos transtornos das CAPS
  • Mialgia: dor em um músculo

N

  • Neonatal: relativo ao recém-nascido
  • Nefropatia: termo médico para as doenças do rim ou da função renal
  • Neurológico: relativo ao cérebro, medula espinhal e sistema nervoso do organismo
  • NOMID: doença inflamatória multissistêmica de início neonatal, forma mais grave das CAPS, um outro nome para isso é CINCA

O

  • Oligoartrite: artrite em menos de cinco articulações
  • Osteoporose: doença óssea que deixa o osso propenso à fratura, também chamada de “perda óssea”

P

  • Patógenos: organismos causadores de doenças
  • PCR: a proteína C reativa, abreviada PCR, é uma proteína plasmática que é produzida no fígado e pertence às proteínas de fase aguda. Uma proteína que indica uma inflamação no corpo
  • Pedras nos rins: depósitos no trato urinário (rins, ureteres, bexiga), que consistem no produto de decomposição ácido úrico. Elas podem resultar em cálculos urinários
  • Periódica: que ocorre em intervalos regulares
  • Persistente: contínua
  • Poliartrite: artrite em muitas articulações
  • Policíclicos: constantemente recorrente
  • Prevalência: número de pessoas com uma doença em um determinado momento
  • Proteínas: cordas dobradas de aminoácidos que formam os blocos de construção das células

R

  • Reincidente: recorrente
  • Reumatismo: termo coletivo para várias doenças articulares

S

  • SAA: Proteína amilóide A sérica, uma substância protéica que pode ser formada durante a inflamação no fígado e pode, então, ser detectada no sangue. Altas concentrações de SAA no sangue são uma causa da amiloidose
  • SAM: síndrome de ativação macrofágica, uma complicação semelhante a sepse na AIJs
  • Sepse: também coloquialmente “envenenamento do sangue”
  • Serosite: termo para uma inflamação do revestimento dos pulmões, coração e abdômen e órgãos abdominais
  • Soro: a porção do sangue a partir do qual as células sanguíneas e a fibrina (fator de coagulação) foram removidas e que já não podem coagular
  • Síndrome: a presença simultânea de vários sintomas que são típicos de uma determinada doença
  • Síndrome febril: caracterizada principalmente por ataques recorrentes de febre, que são acompanhadas de outras manifestações, por exemplo, na pele, membranas mucosas e serosas, e articulações
  • Síndromes Febris Periódicas Hereditárias: também chamadas de síndromes autoinflamatórias; caracterizadas principalmente por ataques recorrentes de febre que são acompanhados por outras manifestações, por exemplo, na pele, membranas mucosas e articulações
  • Sintomas: reclamações que ocorrem por conta de uma determinada doença
  • Sistema imunológico: sistema de defesa do organismo contra doenças

T

  • Trombose: o sangue coagula e forma coágulos que entopem o vaso sanguíneo
  • TNF: fator de necrose tumoral
  • TNFR: receptor do fator de necrose tumoral superfamília, membro 1A
  • Tofos: pequenas protuberâncias (nódulos) associadas à gota
  • TRAPS: síndrome periódica associada ao receptor do TNF

U

  • Uratos: sais de ácido úrico são chamados uratos
  • Urticária: erupção cutânea inflamatória