diagnostico-da-espondilite-anquilosante
Share

O médico que habitualmente faz o diagnóstico da espondilite anquilosante (EA) é o reumatologista. Ele avalia o histórico clínico do paciente para saber quais são os sintomas, quando eles começaram e por quanto tempo eles permanecem, inclusive a dor nas costas, já que é uma característica da EA.1

A confirmação do diagnóstico da espondilite anquilosante é feita pelo reumatologista após alguns exames complementares, como:

  • exames de sangue: que podem confirmar a suspeita da existência de uma inflamação no corpo e, assim, indicar a espondilite anquilosante;1
  • raio-X da parte inferior das costas, para avaliar se há lesões nas vértebras da base da coluna e, nos casos mais avançados, se há fusão vertebral;1
  • ressonância magnética e ultrassonografia: para avaliar alterações e/ou inflamação nas vértebras sacroilíacas (região baixa das costas).

Vale ressaltar que o diagnóstico precoce é fundamental, pois evita diversas complicações da espondilite anquilosante. Quanto mais cedo o paciente iniciar o tratamento, melhor deverá ser sua qualidade de vida.


Referências

1. National Health Service (NHS). Ankylosing spondylitis Diagnosis. Disponível em http://www.nhs.uk/Conditions/Ankylosing-spondylitis/Pages/Diagnosis.aspx. Último acesso em março de 2015.

Share

2 respostas a “Diagnóstico da espondilite anquilosante”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.