O que é Glaucoma?

O que é Glaucoma?

14/12/2016

O glaucoma é uma doença silenciosa que causa diminuição progressiva da visão devido à morte de células da retina e danos estruturais do nervo óptico. Com o nervo óptico lesado, as imagens captadas pela retina não chegam ao cérebro. Com o passar do tempo e os danos causados pelo glaucoma neste nervo, o paciente passa a apresentar pontos cegos no campo visual, podendo progredir para cegueira irreversível se o glaucoma não for diagnosticado e tratado adequadamente.1,2

Segundo a Organização Mundial da Saúde, o glaucoma constitui a segunda maior causa de cegueira do mundo, ficando atrás somente da catarata. Considerando que a cegueira causada pela a catarata pode ser reversível, provavelmente o glaucoma é a principal causa de cegueira irreversível.3,4

Estima-se que 60,5 milhões de pessoas tenham glaucoma no mundo. Este número deverá aumentar para 80 milhões até 2020, principalmente devido ao envelhecimento da população mundial.5,6 No Brasil estima-se que quase 1 milhão de pessoas tenham glaucoma e 70% deles sequer sabem que têm a doença.3

O aumento da expectativa de vida da população é um fator que contribui para o aumento do número de casos5, no entanto, o diagnóstico tardio e a falta de informação sobre doença ainda são os principais desafios para conter o avanço da cegueira causada pelo glaucoma.7,8

Infelizmente, o glaucoma não apresenta sintomas e progride em silêncio2,9, e por isso é importante consultar um oftalmologista regularmente. Por ser uma doença que ainda não tem cura, a adesão ao tratamento é fundamental para evitar as possíveis complicações – incluindo a cegueira irreversível – e garantir independência e qualidade de vida aos pacientes.3,10


Referências

1. The Cochrane Database of systematic reviews. Neuroprotection for treatment of glaucoma in adults. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/23450569# Acesso em novembro de 2016.
2. National Eye Institute. Glaucoma: The ‘silent thief’ begins to tell its secrets. Disponível em: https://nei.nih.gov/news/pressreleases/012114 Acesso em novembro de 2016.
3. Sociedade Brasileira de Glaucoma. Coleção Glaucoma – Conceito e Diagnóstico. Disponível em: http://www.sbglaucoma.com.br/material-informativo/ Acesso em novembro de 2016.
4. Organização Mundial da Saúde. The global impact of glaucoma. Disponível em: http://www.who.int/blindness/publications/glaucoma/en/ Acesso em novembro de 2016.
5. British Journal of Ophthalmology. The number of people with glaucoma worldwide in 2010 and 2020. Disponível em: http://bjo.bmj.com/content/90/3/262 Acesso em novembro de 2016.
6. Conselho Brasileiro de Oftalmologia. As condições de saúde ocular no Brasil – 2015. Disponível em: http://www.cbo.net.br/novo/publicacoes/Condicoes_saude_ocular_IV.pdf Acesso em novembro de 2016.
7. Community Eye Health. Patients and glaucoma: what are the challenges? Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3588131/ Acesso em novembro de 2016.
8. Hospital das Clinicas – Unicamp. Falta de informação ainda é desafio no combate ao glaucoma. Disponível em: http://www.hc.unicamp.br/node/272 Acesso em novembro de 2016.
9. Glaucoma Research Foundation. Glaucoma facts and stats. Disponível em: http://www.glaucoma.org/glaucoma/glaucoma-facts-and-stats.php Acesso em novembro de 2016.
10. Glaucoma Research Foundation. What can I do to prevent glaucoma? Disponível em: http://www.glaucoma.org/gleams/what-can-i-do-to-prevent-glaucoma.php Acesso em novembro de 2016.